• New Page 1

    RSSFacebookYouTubeInstagramTwitterYouTubeYouTubeYouTubeYouTubeYouTubeYouTubeYouTube  

Com corredores de ônibus, motoristas têm novas regras para transitar em faixa exclusiva em Ribeirão Preto, SP


Veículos particulares poderão utilizar faixa somente para conversões à direita nas avenidas Dom Pedro I e Saudade. Fiscalização começa no dia 2 de maio. Motorista pode ser multado se flagrado transitando em corredores de ônibus em Ribeirão Preto, SP
Divulgação/Prefeitura de Ribeirão Preto
Com o fim das obras dos corredores de ônibus da Avenida Saudade e da Rua São Paulo, entregues nesta segunda-feira (17), motoristas de Ribeirão Preto (SP) precisam ficar atentos às novas regras.
De acordo com a Empresa de Trânsito e Transporte Urbano (Transerp), a partir de agora, veículos particulares poderão utilizar a faixa exclusiva para ônibus somente para conversões à direita em trechos devidamente sinalizados e também para acessar determinado estabelecimento comercial ou residencial.
A fiscalização começa no dia 2 de maio. O motorista que foi flagrado desrespeitando a sinalização, pode ser multado.
Ainda de acordo com a Transerp, no trecho da Avenida Saudade, onde a via se torna mão dupla — a partir da Avenida Coronel Quito Junqueira — motoristas poderão realizar conversões somente à direita, onde houver sinalização com a permissão.
Táxis e veículos de urgência serão liberados para tráfego
O tráfego pela faixa exclusiva para ônibus está liberado para táxis, desde que o veículo conte com passageiros, mas não será permitida parada para embarque ou desembarque nas estações de ônibus.
Corpo de Bombeiros, Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), viaturas da polícia e ambulâncias também poderão utilizar os corredores, desde que estejam em serviço de urgência.
As mudanças, segundo a Transerp, visam melhorar o desempenho do transporte coletivo em Ribeirão Preto.
Veja mais notícias da região no g1 Ribeirão Preto e Franca
VÍDEOS: Tudo sobre Ribeirão Preto, Franca e região

Adicionar aos favoritos o Link permanente.