Segundo suspeito de atacar cidade em Mato Grosso morre em novo confronto com a polícia no Tocantins


Força-tarefa que busca pelos suspeitos conta com homens das polícias do Tocantins, Mato Grosso, Goiás e Pará. Além das duas mortes, um suspeito foi preso e material bélico foi apreendido. Força-tarefa durante buscas por assaltantes no Tocantins
PM/Divulgação
Um segundo integrante de um grupo criminoso fortemente armado morreu em confronto com a polícia nesta quarta-feira (12), na zona rural de Marianópolis do Tocantins. Segundo a Polícia Militar, a suspeita é de que os criminosos sejam os mesmos que atacar a cidade de Confresa (MT) no fim de semana.
Compartilhe no WhatsApp
Compartilhe no Telegram
A busca pelos assaltantes começou na segunda-feira (10) quando os criminosos adentraram ao território tocantinese pelos rios e deram de cara com policiais em treinamento rural. Desde então, sete confrontos foram registrados entre os criminosos e membros da força-tarefa.
Veja o que se sabe sobre as buscas pelos criminosos
As buscas se concentram em um perímetro de 50 quilômetros da zona rural de Pium – onde eles desembarcaram. A ação conta com forças policiais do Tocantins, Mato Grosso, Goiás e Pará. Homens da PM de Minas Gerais também devem se juntar às buscas nesta quarta-feira (12).
LEIA TAMBÉM
Cerco a criminosos suspeitos de atacar cidade em Mato Grosso entra no terceiro dia na zona rural do Tocantins
Força-tarefa mantém cerco contra criminosos em Pium; veja o que se sabe sobre as buscas
Policiais do Tocantins entram em confronto com grupo suspeito de atacar cidade em Mato Grosso
Suspeito morre em confronto entre policiais do Tocantins e grupo que atacou cidade em Mato Grosso
Homem é preso e armas, munições, coletes à prova de balas e itens de proteção são apreendidos com grupo que aterrorizou Confresa (MT)
Essa segunda morte aconteceu na zona rural de Marianópolis do Tocantins, próximo do povoado Cocalim. Essa região está dentro do perímetro estabelecido pela polícia.
A informação é de que homens do o Comando de Operações de Divisas (COD) da Polícia Militar de Goiás se depararam com o assaltante e houve a troca de tiros. O corpo deve ser levado para o IML de Paraíso do Tocantins, onde será identificado.
Força-tarefa faz cerco a criminosos na zona rural do Tocantins
O primeiro suspeito morreu na segunda-feira (10). Na terça-feira (11) outro criminoso foi preso e a polícia apreendeu armamentos de grosso calibre, milhares de munições, coletes a prova de balas e até capacetes de uso militar.
A polícia mantém a orientação para que a população das cidades e da zona rural próximas ao local dos conflitos evitem os deslocamentos na TO-080 e estradas vicinais em um raio de 50 km do em torno de Paraíso do Tocantins.
Novo cangaço
Na tarde de domingo, o grupo, que seria o mesmo que está no Tocantins, estava armado com fuzis e aterrorizou a cidade de Confresa (MT) na modalidade conhecida como ‘novo cangaço’. Eles invadiram uma empresa de transporte de valores e uma base da PM na cidade.
Veja mais notícias da região no g1 Tocantins.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.