• New Page 1

    RSSFacebookYouTubeInstagramTwitterYouTubeYouTubeYouTubeYouTubeYouTubeYouTubeYouTube  

Corpo de sergipano que foi morto no Mato Grosso é sepultado em Estância


Cinco suspeitos pelo crime foram presos pela Polícia Civil. Cortejo com o corpo de Allan Davi pelas ruas de Estância (SE)
Arquivo pessoal
O corpo do sergipano, Allan Davi Andrade Sousa, foi sepultado, na manhã desta sexta-feira (23), no município de Estância. Amigos e familiares acompanharam o cortejo pelas ruas da cidade até o cemitério. O corpo dele foi encontrado na terça-feira, no Mato Grosso, enterrado em uma cova rasa.
✅ Clique aqui para seguir o canal do g1 SE no WhatsApp
Ele e o pai haviam se mudado para o Centro-Oeste para trabalhar. De acordo com a Polícia Civil do estado, cinco pessoas foram presas suspeitas pelo crime. Allan Davi, que tinha 18 nos, prestava serviços em uma empresa de manutenção asfáltica no município de Nova Nazaré, de onde desapareceu no dia 7 de fevereiro. As investigações apontaram que ele foi executado e teve o corpo ocultado por membros de um grupo criminoso. A motivação seria o provável envolvimento da vítima com um grupo rival.
O delegado Matheus Soares Augusto informou que alguns dos criminosos confessaram o crime e afirmaram que vítima foi enforcada com um lençol. A polícia ainda descobriu que uma outra vítima também foi mantida em cativeiro junto com Allan, mas foi liberada.
“O crime foi repleto de crueldade e a morte da vítima teve motivação banal”, disse o delegado.
Sergipano que estava desaparecido é encontrado morto no Mato Grosso
PC/MS
Os investigados serão indiciados por homicídio qualificado, porte ilegal de arma de fogo e ocultação de cadáver.
Durante a operação, drogas e dinheiro relacionado ao tráfico foram apreendidos.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.