• New Page 1

    RSSFacebookYouTubeInstagramTwitterYouTubeYouTubeYouTubeYouTubeYouTubeYouTubeYouTube  

Embaixada dos EUA emite alerta para viajantes sobre dengue no Brasil


Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos (CDC) diz que os viajantes para o Brasil devem tomar precauções. Aumento dos casos de dengue no Brasil
Assessoria
A Embaixada dos EUA emitiu na última terça-feira (20) um alerta sobre o aumento de casos de dengue no Brasil.
O Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos (CDC) incluiu o país no alerta de saúde de viagens nível 1.
A nomenclatura – que vai de 1 a 4 – significa que, por ora, os viajantes devem tomar precauções contra a doença. Por exemplo, evitar qualquer reservatório de água parada sem proteção em casa.
Veja abaixo o que significam os outros níveis:
Nível 2 – Pratique Precauções Reforçadas
Nível 3 – Reconsiderar viagens não essenciais
Nível 4 – Evite todas as viagens
A Embaixada recomenda que seja procurada assistência médica se o viajante tiver algum sintoma que cause preocupação.
“A dengue é um risco contínuo no Brasil e, atualmente, surtos de dengue foram declarados em vários estados, portanto os viajantes devem tomar medidas para prevenir picadas de mosquitos”, diz a página de CDC sobre o Brasil.
✅ Clique aqui para seguir o canal de notícias internacionais do g1 no WhatsApp
Casos no Brasil
De acordo com dados do Ministério da Saúde, três semanas de 2024 tiveram números de casos superiores à semana de ápice no ano passado.
Os dados do ministério mostram que as semanas epidemiológicas 4 (21 a 27 de janeiro), 5 (28 de janeiro a 3 de fevereiro) e 6 (4 a 10 de fevereiro) registraram mais de 130 mil casos de dengue. No pico de 2023, foram observados 111.840 casos prováveis.

O boletim também apresenta as regiões com maior incidência de dengue no país. De acordo com os dados, o Centro-Oeste é a região que lidera o ranking, seguido pelo Sudeste.
Entre os estados do Centro-Oeste, o Distrito Federal é o que contabiliza o maior número de casos prováveis, com 80.979 registros. O segundo lugar é ocupado por Goiás, com 42.407 casos.
Já no Sudeste, Minas Gerais é o estado que lidera o número de casos prováveis, com mais de 230 mil casos. O valor é mais do que o dobro registrado por São Paulo, segundo estado da região em quantidade de casos.
Dengue: veja o que é a doença e quais são os seus sintomas
Arte g1/Dhara Assis
*Com colaboração de Mariana Garcia e Julia Carvalho

Adicionar aos favoritos o Link permanente.