Centro de Diagnóstico do GACC é inaugurado no bairro de São Marcos, em Salvador

Capacidade foi aumentada para 40 mil atendimentos mensais. Com capacidade aumentada para 40 mil atendimentos mensais, o Centro de Diagnóstico (CDG) do Grupo de Apoio à Criança com Câncer (GACC-BA) foi inaugurado nesta quinta-feira (13), no bairro de São Marcos, em Salvador.
A unidade, que mudou de local para ter a sua estrutura ampliada, foi entregue pelo prefeito Bruno Reis. O novo posto de coleta do laboratório do GACC é vinculado ao SUS e pode realizar 180 atendimentos por dia.
O espaço tem como público-alvo moradores do bairro de Pau da Lima, Canabrava, São Marcos e adjacências, atendendo também pessoas de outros locais.
O valor do contrato é de quase R$ 374 mil, e a cerimônia contou com a presença da vice-prefeita e secretária municipal de Saúde (SMS), Ana Paula Matos, do presidente do GACC, Roberto Sá Menezes, e de representantes da comunidade.
Bruno Reis informou que a parceria com o GACC desafoga as demandas do município e garante atendimento especializado e de qualidade para as pessoas.
“Durante a pandemia, identificamos a necessidade de implantar uma unidade para realizar exames nesta comunidade e encontramos no GACC um parceiro ideal. É importante formar parcerias com entidades que atuem com seriedade, que possuam expertise, que possam oferecer um serviço de qualidade”, disse o prefeito, que contou ainda que o local tem a meta de alcançar 52 mil pessoas mensalmente.
O prefeito afirmou ainda que a SMS avalia outras regiões da cidade que possam receber unidades do CDG, de modo a espalhar e descentralizar ainda mais o serviço. Ana Paula Matos celebrou a importância da parceria da Prefeitura com o GACC.
“Trabalhar junto ao GACC sempre nos apresenta novos desafios, em especial no diagnóstico e identificação de enfermidades e outras situações. É uma parceria exitosa na assistência às famílias e à saúde dos cidadãos de Salvador”, afirmou.
Fundado em 2006, o CDG reúne quatro especialidades: Imunogenética e Transplantes, Diagnóstico de Doenças Infecciosas, Imunofenotipagem e Análises Clínicas. É atualmente o laboratório com a maior experiência em biologia molecular da Bahia, contribuindo para o avanço da área de saúde do Estado, realizando exames de alta complexidade.
Dentre eles, compatibilidade entre doadores e receptores de órgãos sólidos e a tipificação HLA de doadores voluntários de medula óssea, por exemplo.
Veja mais notícias do estado no g1 Bahia.
Assista aos vídeos do g1 e TV Bahia 💻

Adicionar aos favoritos o Link permanente.