• New Page 1

    RSSFacebookYouTubeInstagramTwitterYouTubeYouTubeYouTubeYouTubeYouTubeYouTubeYouTube  

Jovem é preso suspeito de matar empresário a tiros em calçada de Catalão


Segundo a polícia, as investigações continuam para descobrir a motivação do crime e o suposto mandante. Elton Balduíno Ribeiro foi baleado quando estava a caminho da oficina mecânica do irmão. Empresário Elton Balduíno Ribeiro, de 46 anos, que morreu uma semana após ser baleado em calçada, em Catalão, Goiás
Reprodução
Um jovem de 21 anos foi preso suspeito de matar o empresário Elton Balduíno Ribeiro, de 46 anos, a tiros em uma calçada de Catalão, no sudeste de Goiás. Segundo a família, ele foi baleado quando estava a caminho da oficina mecânica do irmão.
Compartilhe no WhatsApp
Compartilhe no Telegram
O nome do suspeito não foi divulgado, por isso, o g1 não conseguiu localizar a defesa dele para que se posicione até a última atualização desta reportagem. À polícia, em depoimento, ele ficou em silêncio.
O crime aconteceu no dia 30 de março no bairro Nossa Senhora de Fátima. Elton chegou a ser socorrido, ficou internado em um hospital, em estado grave, por sete dias em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI), mas não resistiu.
A prisão aconteceu na última terça-feira (11) no bairro Primavera. A Polícia Civil disse que o jovem é suspeito de ser o executor dos disparos e que teria recebido dinheiro para matar Elton.
Nas buscas foram apreendidos uma moto e um capacete usados no dia crime. O investigado não tem antecedentes criminais e está na Unidade Prisional de Catalão.
A família confirmou a morte cerebral do empresário, após autorizar o desligamento dos aparelhos na última sexta-feira (7). Segundo a Polícia Civil, a investigação continua para descobrir a motivação do crime e o suposto mandante do crime.
LEIA TAMBÉM:
Corpo de jovem que morreu ao ser baleado na cabeça por policiais é enterrado, e mãe passa mal: ‘Quero justiça’
Morre bombeiro baleado pela mulher durante briga dentro de casa, diz polícia
Jovem morre após ser baleado na cabeça durante festa de família
O irmão de Elton, Juliano Ribeiro, contou que o empresário passava por um processo de divórcio e havia decidido se mudar para uma propriedade rural entre os municípios de Goiandira e Nova Aurora. E que não tem conhecimento de qualquer inimizade ou de ameaças feitas contra o irmão.
No dia do crime, Elton, que era empresário no ramo do serviço de guinchos, havia passado o dia trabalhando com irmão na oficina mecânica dele. Ao final da tarde, Juliano relata que Elton havia ido à casa do pai deles por volta de 17h para guardar sua moto, uma vez que tinha a intenção de voltar para casa, na zona rural, de carro.
Porém, quando passava pela calçada no caminho de volta para a oficina do irmão, Elton teria sido abordado por um homem em uma motocicleta que, segundo Juliano, efetuou ao menos cinco disparos, dois deles atingiram o empresário na região do pescoço e do tórax.
Veja outras notícias da região no g1 Goiás.
VÍDEOS: últimas notícias de Goiás

Adicionar aos favoritos o Link permanente.