• New Page 1

    RSSFacebookYouTubeInstagramTwitterYouTubeYouTubeYouTubeYouTubeYouTubeYouTubeYouTube  

Bombeiros retomam buscas por pescadores que desapareceram no mar em Ilhabela (SP)


Três pescadores foram lançados ao mar após embarcação virar na última sexta-feira (19); um foi encontrado sem vida e outros dois seguem desaparecidos. Bombeiros marítmos fazem buscas por pescadores em Ilhabela
O Grupamento Marítimo de Bombeiros (GBmar) retomou na manhã deste domingo (21) a busca pelos dois pescadores, de 71 e 33 anos, que seguem desaparecidos em Ilhabela, no Litoral Norte de São Paulo. Eles estavam em uma embarcação que virou no mar na última sexta-feira (19). Um terceiro pescador, de 65 anos, foi encontrado sem vida no último sábado (20).
✅ Clique aqui para seguir o canal do g1 Vale do Paraíba e região no WhatsApp
Segundo o GBmar, as buscas foram retomadas por volta das 7h deste domingo e são feitas na área de Ilhabela, pelas proximidades de costeira. No último sábado, os bombeiros encontraram três mochilas, que acreditam ser dos pescadores, e o motor da embarcação. As buscas no sábado foram encerradas ao anoitecer.
Mochilas encontradas em mar de Ilhabela
Divulgação/GBmar
Os pescadores são de Guarulhos, na Grande São Paulo. O pescador encontrado sem vida foi identificado pelos bombeiros como Tsuyoshi Yamaguti. Ele era médico veterinário e deixa três filhos. O velório ocorre neste domingo, a partir das 7h, no cemitério Nossa Senhora do Bonsucesso, em Guarulhos.
Desaparecimento
De acordo com os bombeiros, os três pescadores de Guarulhos alugaram uma casa para passar o fim de semana em Ilhabela, na avenida Governador Mário Covas Junior, no bairro do Borrifos, no Sul de Ilhabela. Por volta das 15h de sexta-feira, eles saíram para pescar na região sul da ilha. O barco pequeno de alumínio em que estavam teria virado e lançado os três ao mar.
Avenida Governador Mário Covas Junior, em Ilhabela
Bruna Capasciutti/TV Vanguarda
Os bombeiros foram acionados por volta das 21h50 de sexta-feira, pela pessoa que alugou a casa para os três. Como eles não tinham retornado, ela acionou os bombeiros. A locatária do imóvel informou que ouviu gritos vindos do mar de uma possível embarcação sem iluminação. Teria avistado uma pessoa nas pedras próximas da costeira que dá acesso a um restaurante ao sul de Ilhabela.
O policiamento foi ao local, mas, como estava escuro e o mar revolto, não conseguiu avistar uma pessoa e retornou à base. Os bombeiros foram novamente ao local indicado e, apesar das condições desfavoráveis do tempo e do mar, localizaram o corpo do pescador de 65 anos e o encaminharam ao Instituto Médico Legal (IML) de Caraguatatuba.
Desaparecimento foi registrado na delegacia de Ilhabela
Bruna Capasciutti/TV Vanguarda
O GBMar, com a equipe da lancha Guaiaó, iniciou as buscas pelos outros dois pescadores, de 71 e 33 anos. Porém, até o último sábado, ainda não localizaram os dois. As buscas seguem neste domingo pelas proximidades de costeira.
Veja mais sobre o Vale do Paraíba e região bragantina

Adicionar aos favoritos o Link permanente.