• New Page 1

    RSSFacebookYouTubeInstagramTwitterYouTubeYouTubeYouTubeYouTubeYouTubeYouTubeYouTube  

600 mil Maracanãs queimados e regiões evacuadas: incêndio no Texas que começou na segunda é o maior da história do estado e não tem previsão para ser extinto


O incêndio iniciou na segunda-feira (26) e dobrou de tamanho desde quarta (28). Na manhã desta quinta, havia apenas 3% de contenção das chamas, segundo o Serviço A&M Forest, do Texas. Bombeiros combatem incêndios florestais no Texas, em 27 de fevereiro de 2024
Flower Mound Fire Department via AP
Bombeiros do Texas lutam contra um incêndio florestal que já se tornou o maior da história do estado dos EUA: a área queimada ultrapassou os 400 mil hectares e destruiu pastagens, vegetação, e casas em pequenas cidades na região de Panhandle. Duas pessoas morreram no estado por conta dos incêndios.
✅ Clique aqui para seguir o canal de notícias internacionais do g1 no WhatsApp
O incêndio já queimou mais de 437 mil hectares, quase 2700 km², e ultrapassou uma ocorrência de 2006 como o maior da história do Estado. A área queimada é tão extensa que equivale a cerca de 612 mil estádios do Maracanã e é maior do que a ilha de Long Island, em Nova York, por exemplo.
O incêndio iniciou na segunda-feira (26) e dobrou de tamanho desde quarta (28). Na manhã desta quinta, havia apenas 3% de contenção das chamas, segundo o Serviço A&M Forest, do Texas.
Os bombeiros aproveitaram nesta quinta uma breve pausa nos ventos que atingem a região nos últimos dias para erguer barreiras e apagar pontos de fogo em árvores caídas e na grama. Segundo autoridades locais, rajadas de vento que atingem 80 quilômetros por hora ajudam a alastrar o fogo.
Segundo John Nielsen-Gammon, Climatologista Estadual do Texas e Diretor do Centro Climático Regional do Sul, as condições de seca na região oeste do Texas foram perfeitas para o incêndio florestal.
“O fogo está se espalhando a uma velocidade de oito a 16 quilômetros por hora facilmente. Você sabe, parte disso é o próprio avanço do fogo. E parte são brasas sendo carregadas pelos ventos fortes, causando novos incêndios à frente da linha de fogo inicial”, disse John.
Na terça (27), o incêndio havia se aproximado da base Pantex, a principal instalação de montagem de armas nucleares dos EUA, fazendo com que os funcionários fossem evacuados e as operações suspensas.
O governador do Texas, Greg Abbott, emitiu na terça uma declaração de desastre para 60 condados da região. Há ordens de evacuação nas regiões de Moore e Potter, além de partes de Roberts, que fica perto da fronteira com Oklahoma.
A região de Panhandle é conhecida por ter um clima seco e quente, desencadeando enormes incêndios florestais. Normalmente, os moradores são retirados de suas casas e as estradas são fechadas até os bombeiros conterem as chamas.
A expectativa para o fim do incêndio está longe. Isso porque as autoridades do Texas declararam que uma frente fria pode chegar na região nos próximos dias, o que agrava a situação de seca.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.