Porta-bandeira e mestre-sala da Vila Isabel usam fantasias com laser e 4.000 pixels de lâmpadas, mas parte da roupa apaga em desfile; vídeo

Apresentação de casal de mestre-sala e porta-bandeira tem jogo de luzes na Sapucaí
A apresentação do casal porta-bandeira e mestre-sala da Portela teve show de luzes de laser e e 4.000 pixels de lâmpadas em desfile, mas apresentou problema em parte da fantasia.
No desfile, a calça do mestre-sala não acendeu, contrário do que foi visto na concentração.
Alimentados em baterias de lítio, as luzes consumiam 5 watts de energia. A Portela foi a terceira escola a desfilar nesta segunda-feira (12), última noite de apresentações do grupo especial na Sapucaí.
Ao g1, Marcinho Siqueira disse que a roupa era cheia de fios e várias ligações.
Mestre-sala e porta-bandeira da Vila Isabel têm 4000 pixels de lâmpadas nas duas roupas
“A gente sabia que corria o risco, porque eu me movimento muito. Diferente da roupa dela, que é mais estática, favorece mais a manutenção dos fios. A minha é muito movimento, então a gente sabia que corria esse risco.”
“Aí, quando uma perna apagou, a gente apagou a outra perna pra poder tentar ficar só a metade, ficar mais apresentável. É uma coisa que não compete a gente, infelizmente. A gente faz o nosso trabalho. A gente foi lá e dançou. Mas em relação à fantasia, a gente não tem muito o que fazer”, complementou.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.