• New Page 1

    RSSFacebookYouTubeInstagramTwitterYouTubeYouTubeYouTubeYouTubeYouTubeYouTubeYouTube  

Trabalhadora acha larvas em feijão de cesta básica e reclama de ‘esculacho’ de prefeitura no litoral de SP; VÍDEO


Caso aconteceu com um profissional terceirizada da Prefeitura de São Vicente (SP). Ela contou que não é a primeira vez que recebe produtos com bichos. Funcionária de empresa terceirizada encontra larvas em pacote de feijão de cesta básica
A funcionária de uma empresa terceirizada da Prefeitura de São Vicente, no litoral de São Paulo, encontrou larvas e bichos em um pacote de feijão que veio na cesta básica, que é retirada por ela mensalmente na unidade escolar onde trabalha. Imagens obtidas pelo g1, nesta sexta-feira (14), mostram a mulher, que preferiu não ser identificada, indignada com a situação (veja o vídeo acima).
Segundo a funcionária, essa não foi a primeira vez que os alimentos foram entregues dessa forma. Em um outro momento, ela optou em não divulgar o caso, mas resolveu reclamar pois tornou-se algo recorrente.
“Cada vez pior. Antigamente mandavam tudo bonitinho, [mas] de um mês pra cá começaram a esculachar”, disse.
Mulher encontrou larva e bichos em feijão que recebeu na cesta básica, em São Vicente (SP)
Arquivo Pessoal
A mulher contou que, em outra ocasião, percebeu alguns bichos emergindo na água do cozimento do arroz. “O feijão no pacote [fechado] mesmo já vem com o bicho. Está difícil porque a gente não ganha de graça, a gente trabalha para isso”.
Ela afirmou que jogou fora o feijão imediatamente após notar a presença dos bichos. “A gente tem que descartar. Não pode colocar no armário pois, se colocar junto de outros alimentos, acaba passando”.
De acordo com a mulher, a cesta foi entrega na última segunda-feira (10). “Muitas pessoas reclamam da cesta porque as coisas são de péssima qualidade. Eu acho isso um cúmulo porque a gente trabalha, levanta cedo para levar o alimento para dentro de casa e quando a gente vai fazer está com bicho”.
“Acha que uma criança vai querer comer um arroz com bicho dentro? Com uma larva dentro? Não vai querer. Isso para mim é desrespeito com a gente que trabalha (…) não se dá coisa velha para os outros”, finalizou.
Posicionamento
O g1 entrou em contato com o Instituto de Gestão Educacional e Valorização do Ensino (Igeve) e com o Feijão Caldo Nobre, mas não obteve retorno até a última atualização desta reportagem.
Já a Prefeitura de São Vicente informou, por meio da Secretaria de Educação (Seduc), que notificou a Igeve e irá acompanhar e cobrar as medidas cabíveis.
Funcionária de empresa terceirizada encontrou larvas em pacote de feijão de cesta básica dentro de prazo de validade em São Vicente, SP
Arquivo Pessoal
VÍDEOS: Mais assistidos do g1 nos últimos 7 dias

Adicionar aos favoritos o Link permanente.