Grupo especializado em furtos a joalherias é preso com porções de drogas e joias no interior de SP


Deflagrada pela Polícia Civil de Avaré (SP), operação apontou que grupo furtava produtos para comercializá-los com receptadores na região central de Campinas. Grupo especializado em furtos a joalherias é preso em Campinas
Polícia Civil de Avaré/ Divulgação
A Polícia Civil de Avaré (SP) prendeu três pessoas suspeitas de integrarem uma quadrilha especializada em furtos a joalherias e relojoarias em municípios do interior paulista.
Deflagrada pela Delegacia de Investigações Gerais (DIG), durante a manhã de quinta-feira (13), a primeira fase da “Operação Vitrum” cumpriu mandados de busca e apreensão em Campinas (SP).
As investigações começaram em janeiro deste ano, após três criminosos furtarem mais de R$ 400 mil em produtos de uma joalheria de Avaré.
Uma câmera de segurança flagrou o trio quebrando as prateleiras e guardando as joias dentro de uma mochila (Assista abaixo)
VÍDEO: Trio invade joalheria e furta mais de R$ 400 mil em produtos em Avaré
A partir da identificação dos suspeitos, a polícia constatou que eles faziam parte de uma organização criminosa, que já havia cometido o mesmo crime nas cidades de Lençóis Paulista e Lins (SP). A investigação apontou ainda que o grupo furtava joalherias para vender os produtos em áreas de comércio ilegal na região central de Campinas.
Diante da constatação, dezenas de policiais se mobilizaram para cumprir uma mandado de busca e prisão expedidos pela Justiça.
No endereço ligado aos suspeitos, além de recuperar parte dos relógios e joias furtados, os policiais também apreenderam porções de crack.
DIG de Avaré prende grupo especializado em furtos a joalherias
Polícia Civil de Avaré/ Divulgação
Um homem, apontado como suposto líder da quadrilha, e outras duas pessoas foram presas temporariamente e levadas para unidades prisionais da região.
As investigações continuam para identificar outros suspeitos.
Porções de drogas são apreendidas com suspeitos de furtar joalheria em Avaré
Polícia Civil de Avaré/ Divulgação
Veja mais notícias no g1 Itapetininga e Região
VÍDEOS: assista às reportagens da TV TEM

Adicionar aos favoritos o Link permanente.