Governo do RN solicita prorrogação por mais 30 dias da presença da Força Nacional no estado


Ofício foi enviado nesta quarta (12) ao Ministro da Justiça, Flávio Dino. Força Nacional chegou ao estado em 14 de março por conta dos ataques promovidos por uma facção criminosa. Força Nacional no RN
Elisa Elsie/Governo do RN
O governo do Rio Grande do Norte solicitou nesta terça-feira (12) ao Ministro da Justiça, Flávio Dino, a permanência por mais 30 dias da Força Nacional no estado.
O ofício encaminhado cita o pedido para permanência e uso dos equipamentos e recursos humanos da Força Nacional visando a “necessidade da continuidade das operações de segurança que estão em andamento neste Estado”.
As primeiras equipes da Força Nacional desembarcaram no Rio Grande do Norte há quase um mês, no dia 14 de março, quando começaram os ataques promovidos por uma facção criminosa, que atingiram prédios públicos e veículos, além do transporte público no estado.
O pedido foi confirmado pelo governador em exercício do RN, o vice Walter Alves (MDB), durante a visita do Corregedor Nacional de Justiça, Ministro Luis Felipe Salomão, ao RN.
“Nós atravessamos aqui, vocês sabem, uma situação muito delicada, muito difícil. Inclusive hoje mesmo nós solicitamos a Força Nacional ao ministro Flávio Dino, para prorrogar o prazo. A situação está hoje, graças a Deus, tranquila, mas é sempre importante ficarmos atentos”, disse Walter Alves.
Encontro com do vice-governador Walter Alves, atual governador em exercício, com o ministro do CNJ, Luís Felipe Salomão
Sérgio Hernique Santos/Inter TV Cabugi
O gestor disse que o estado vive um momento de controle atualmente, mas vê a necessidade de permanência por mais tempo da Força Nacional pelo estado. A Força Nacional desembarcou no dia 14 de março e permanência seria por pelo menos um mês no estado naquele momento.
“É um pedido pra continuar o reforço. Temos que ficar atentos. Criminosos tentam, mas a população do RN tem que saber que existe aqui as forças de segurança do estado. Tem sido realmente muito efetivo”, completou.
Visita do ministro
Durante o encontro com o governador em exercício, o ministro do CNJ, Luis Felipe Salomão, disse que visitou varas de execuções penais e criminais no estado. “Estamos buscando soluções, identificar problemas e apoiar o Tribunal na busca de soluções”, disse ele.
Além das visitas, o ministro disse que veio ao estado apresentar um programa chamada “Registre-se”. “É para atingir a população de rua no sentido de fornecer certidão de nascimento para população de rua. A partir da certidão, ganha-se a cidadania, pode-se obter os beneficios sociais, capacitação para emprego. Mas sem esse documento é impossível”, pontuou.
Vídeos mais assistidos do g1 RN

Adicionar aos favoritos o Link permanente.