Suspeito pelo desaparecimento de jovem do DF, preso em SP, será transferido para Papuda


Jailton Silva dos Santos foi preso em março, após denúncias de violência sexual contra ele. Adolescente de 14 anos ‘sumiu’ em janeiro depois de sair de casa para ir a um shopping. Jailton Silva dos Santos usava o nome falso de ‘Fernando’ e estava foragido por roubo desde 2013
Reprodução/PCDF
Um homem suspeito pelo desaparecimento da jovem Sara Carlos de Morais da Silva, de 14 anos, no Distrito Federal, e que foi preso em São Paulo, será transferido para o Complexo Penitenciário da Papuda. A informação foi confirmada nesta quarta-feira (12), pela Polícia Civil do DF.
Jailton Silva dos Santos foi preso em março, após surgirem denúncias de estupro contra ele. De acordo com a investigação, ele dopou e abusou sexualmente de jovens na Cidade Estrutural. A adolescente desaparecida desde janeiro, seria uma das vítimas.
Em uma das denúncias, uma vítima afirma que foi estuprada em um imóvel de Jailton, em Vicente Pires. Segundo a PCDF, a jovem relata ter sentido um “odor pútrido” no local, que ainda não foi identificado pelos policiais.
Ainda de acordo com a Polícia Civil, Jailton era foragido da Justiça desde 2013, quando cometeu um roubo na região de Brazlândia. Ele usava o nome falso de “Fernando” para não ser preso.
LEIA TAMBÉM:
FEMINICÍDIO: Mulher é morta a tiros por ex-companheiro em Planaltina
NÚMERO 129: GDF e Defensoria Pública criam linha de telefone exclusiva de atendimento para mulheres vítimas de violência
Segundo a PCDF, Jailton negou estar envolvido no desaparecimento de Sara. A adolescente saiu de casa, na EQNL, em Taguatinga, para ir ao shopping no dia 16 de janeiro deste ano e não voltou desde então.
“As diligências continuam no intuito de comprovar autoria e eventual paradeiro da jovem desaparecida”, diz a Polícia Civil.
Leia mais notícias sobre a região no g1 DF.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.